O serviço pode abranger a elaboração, revisão, tradução e adequação da FISPQ (ABNT NBR 14725), de acordo com a necessidade do cliente, podendo ser contratado de maneira customizada.   

As exigências de normas como a ISO 11014, MTE NR-26, Regulamento (UE) Nº 453, HCS/HAZCOM, IRAM 4140 e outras, são seguidas para garantir a conformidade do negócio do cliente.

É possível solicitar a aplicação de diversos sistemas de classificação de perigo para o projeto, como GHS (Globally Harmonized System of Classification and Labelling of Chemicals), CLP (Classification, Labelling and Packaging), Diretivas Europeias, ONU, NFPA-Diagrama de Hommel, entre outros.

A Intertox ainda oferece uma avaliação crítica de FISPQ e SDS recebida de fornecedores, para garantir que estão em conformidade legal.

São utilizadas bases de dados confiáveis e de grande credibilidade, como EPA, HSDB, IARC, INCHEM, NIOSH e TOXNET.