Participação no XVIII Congresso Brasileiro de Toxicologia

A Intertox, representada por profissionais da sua equipe de gerenciamento de risco toxicológico, apresentou no XVIII Congresso Brasileiro de Toxicologia, realizado no período de 7 a 10 de outubro na cidade de Porto Alegre, os seguintes trabalhos de pesquisa: “Diferenças na Adoção do GHS entre Comunidade Européia, EUA e Brasil” e Modelo de Implementação do GHS nas Indústrias e Laboratórios: Um Estudo de Caso”.

O trabalho “Diferenças na Adoção do GHS entre Comunidade Européia, EUA e Brasil” versa sobre as diferenças na adoção dos critérios do GHS para a classificação de perigo de produtos químicos, estabelecidos pela ONU no manual Purple book. Apesar dos notáveis benefícios advindos da harmonização pelo GHS, constata-se a existência de disparidade na adoção dos critérios entre EUA, Comunidade Européia e Brasil, que resulta em diferenças significativas de classificação e comunicação dos perigos dos produtos químicos. Este fato pode impactar no comércio internacional e dificultar a empregabilidade de medidas preventivas e de proteção à saúde humana e meio ambiente.

Já o trabalho “Modelo de Implementação do GHS nas Indústrias e Laboratórios: Um Estudo de Caso”, disserta sobre um estudo de caso de implementação do sistema GHS em uma indústria, procedimento exigido compulsoriamente pelo Decreto nº 2657, de 03/07/1998, juntamente com a Portaria n° 229, de 24/05/2011 e a norma NBR 14725 da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). A partir da implementação do GHS as empresas e laboratórios estariam em conformidade com as legislações brasileiras, além de aumentar a segurança química, melhorar a comunicação de perigo junto aos trabalhadores e reduzir os riscos toxicológicos e ambientais. Outras importantes vantagens identificadas: a harmonização do sistema de classificação utilizado no comércio internacional com vantagens competitivas, diminuição de impasses com clientes e órgãos fiscalizadores e responsabilidade socioambiental.

Os autores relataram que os trabalhos suscitaram inúmeras discussões e foram bastante elogiados pelos congressistas, fato que reforça a atualidade dos temas e a crescente preocupação com o gerenciamento seguro dos produtos químicos.

Fotos:

{gallery}congresso{/gallery}

PDFs Relacionados (Resumo dos Trabalhos):

{jd_file file==27}

{jd_file file==26}

Banners apresentados no congresso:

 

{jd_file file==25}

 

{jd_file file==24}