Novos materiais nanos foi o 2º tema do ciclo de palestras promovido pela FAPESP e SBQ em comemoração ao AIQ 2011

Escrito por Thiago Iorio Belviso | 18 Maio 2011

Em comemoração ao Ano Internacional da Química, a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) e a Sociedade Brasileira de Química (SBQ)

estão promovendo ciclos de palestras que tiveram seu inicio em Abril e terminarão em Novembro deste ano. No último dia 12 de Maio de 2011 no Espaço APAS foram ministradas palestras com o tema “Novos Materiais” com Coordenação da Sra. Rosário Elida Suman Bretas

 

fapespqumica

(CCET-UFSCar, São Carlos, SP) e conferencistas Fernando Galembeck (IQ- Unicamp, Campinas, SP); Oswaldo Alves (IQ- Unicamp, Campinas, SP) e Henrique Toma (IQ-USP, São Paulo).

Esta palestra teve como intuito abordar e discutir o mercado dos materiais nanos, bem como a era da tecnologia em que vivemos.

Na primeira palestra ministrada por Galembeck, foi discutida “A secreta vida elétrica da matéria”, onde não damos muita importância aos detalhes mínimos contidos em cada corpo ou matéria.

De uma forma bem ampla foram discutidos tópicos como as cargas que compõe a atmosfera, camadas elétricas entre os diferentes estados da matéria, as explosões ocorridas por pós, algumas ferramentas microscópicas e nanoquímicas para medições e a perspectiva para novos desafios no mercado mundial, tais como a obtenção da energia atmosférica para o consumo.

A segunda palestra “Uma visão Nano e Supramolecular”, ministrada por Henrique Toma teve como foco os equipamentos e os diferentes compostos nano que compõe o nosso dia a dia.

Podemos citar o Sensor Químico Supramolecular para comida, bebidas e drogas, onde este é capaz de identificar as substâncias presentes em cada composto ou produto sendo em nosso organismo ou para nosso consumo.

Sabemos que o mercado da nanotecnologia tem ganhado um amplo espaço na economia global e pelo fato de muitos profissionais e empresas estarem diretamente relacionadas com este mercado, sendo a comercialização ou consumo de produtos químicos, podemos destacar a importância do conhecimento de seus benefícios bem como seus perigos também, visando a preocupação quanto aos possíveis danos que novas tecnologias e produtos possam causar a saúde humana e ao meio ambiente.

Por conta disso a área da toxicologia e segurança química tem sido o âmbito da empresa InterTox, fornecendo ao mercado uma melhor qualidade de informações referente aos perigos sobre os produtos químicos que impactam tanto ao meio ambiente quanto a saúde humana e também os perigos das futuras tecnologias a serem aplicadas.

Fonte: http://www.fapesp.br/6168#Novos_Materiais

{loadmodule mod_convertforms,InterNews}