Toxicologia Ambiental: Convenção de Minamata reúne países para discutir políticas e o banimento do mercúrio

Em 19 de janeiro de 2013, foi realizada, em Genebra, a Convenção de Minamata, um esforço internacional para a discussão das políticas de controle e redução da liberação/emissão de mercúrio a partir de processos e produtos. O acordo reuniu 140 países membros para apresentação de uma avaliação global em relação ao mercúrio, e, para a discussão de medidas diretas para governos e sociedade civil em relação ao poluente.

O mercúrio tem um amplo histórico de impacto à saúde humana e meio ambiente, como no caso da contaminação, em meados do século XX, em Minamata (motivo solidário do nome da Convenção), no Japão, que provocou sérios efeitos à saúde da população; e de vários outros casos em outros países, incluindo o Brasil. Debates e publicações sobre os riscos à saúde humana e sobre a problemática da persistência ambiental do mercúrio atravessaram o século e parecem inesgotáveis, sendo foco de discussão em agências de saúde de vários países.

 

No acordo internacional, as partes concordaram em banir até 2020, a produção, exportação e importação de produtos contendo mercúrio, incluindo baterias, interruptores, cosméticos e dispositivos médicos. Quanto às atividades, o acordo prevê a adoção gradativa de medidas e implementação de tecnologias que reduzam a liberação do poluente.

 

O mercúrio e seus compostos podem provocar efeitos sérios à saúde, incluindo danos neurológicos, renal, pulmonar, além de toxicidade para o desenvolvimento fetal. A toxicologia deste poluente foi extensivamente revisada pelo brasileiro prof. Fausto Antonio de Azevedo, em seu livro “Toxicologia do Mercúrio”, referência nacional, cuja importância tende a aumentar na medida em que se demanda conhecimento sobre os efeitos toxicológicos e ambientais do poluente na tomada de decisão e definição de políticas em Saúde Ambiental.

 

FONTE:

UNEP - United Nations Environment Programme environment for development. Minamata Convention Agreed by Nations: Global Mercury Agreement to Lift Health Threats from Lives of Millions World-Wide (2013). Disponível em:

<http://www.unep.org/NewsCentre/default.aspx?DocumentID=2702&;ArticleID=9373&l=en> Acesso em 21/01/2013.

{loadmodule mod_convertforms,Convert Forms}